Você sabe o que é tecnologia assistiva?

tecnologia assistiva foto de móvel adaptado

tecnologia assistiva

O termo tecnologia assistiva tem sido utilizado mais recentemente no Brasil (termo Assistive Technology) foi criado em 1988 como elemento jurídico dentro da legislação norte-americana conhecida como Public Law 100-407 e foi renovado em 1998 como Assistive Technology Act de 1998 (P.L. 105-394, S. 2432).

Existem muitos desafios que uma pessoa com deficiência enfrenta no cotidiano e ainda há muita oportunidade para garantir que cegos, surdos, cadeirantes, indivíduos com transtornos do desenvolvimento e demais possam viver melhor.

A Lei nº 13.146/2015 – Art. 3º, parágrafo III, conhecida como a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência, explicita o conceito de TA (tecnologia assistiva) como: “tecnologia assistiva ou ajuda técnica: produtos, equipamentos, dispositivos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços que objetivem promover a funcionalidade, relacionada à atividade e à participação da pessoa com deficiência ou com mobilidade reduzida, visando à sua autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social;”.

Mais que a lei precisamos de um novo olhar para o dia-a-dia e repensar a cada momento o que é equidade, para melhorar de forma simples ou de forma complexa os investimentos que levam à inclusão.

A tecnologia possibilidade estreitar as diferenças e com o conceito de TA (tecnologia assistiva), profissionais de diversas áreas podem explorar o desenvolvimento de dispositivos eletrônicos, com um olhar cada vez mais  multidisciplinar (profissionais de RH, educadores, terapeutas, profissionais de tecnologia saúde, especialistas em design).  

“ As melhores tecnologias são aquelas que são usadas em benefício de toda a humanidade!

anônima

Vocês já devem ter vistos alguns destes dispositivos, principalmente em sites que busquem a acessibilidade como, por exemplo, o Hand Talk (acessibilidade em libras) e o Real Acessibility (contrate de cores e tamanhos de fontes), utilizados em nosso marketplace.

foto prótese

Veja as categorias da tecnologia assistivas:

  • Auxílios para a vida diária:auxílio para tarefas rotineiras;
  • Comunicação aumentativa (CAA):recursos para comunicação que podem ou não ser eletrônicos;
  • Recursos para acessibilidade no computador:teclados, softwares, reconhecimento de voz, entre outros;
  • Projetos arquitetônicos:adaptações estruturais, como rampas.
  • Adaptações em veículos:acessórios que possibilitam a condução de veículos
  • Auxílios para surdos ou com déficit auditivo:aparelhos para surdez, telefone com teclado (teletipo), outros
  • Auxilio para cegos ou com visão comprometida:lupas, lentes, braile, sintetizadores de voz, entre outros.
  • Auxilio para mobilidade:cadeira de rodas, scooters e outros equipamentos para melhoria de mobilidade;
  • Órteses e próteses:membros artificiais para troca ou ajustes de membros do corpo faltantes;
  • Adaptações em veículos:

    acessórios que possibilitam a condução de veículos

  • Adequação postural:adaptações para cadeiras de rodas, por exemplo, para propiciar mais estabilidade e postura adequada;

A necessidade de digitalização ainda não se reflete em acessibilidade

 

Quando falamos que nos últimos anos mundo se tornou digital e no Brasil com cerca de 14 milhões de sites brasileiros ativos, percebemos a disparidade quanto à acessibilidade, pois apena 1% são acessíveis. .
Quando o universo se restringe aos sites governamentais o percentual cai para 0,34%. 93,8% dos sites brasileiros apresentam falhas parciais de acessibilidade. Encontre no site  do MWPT (Movimento Web para Todos) informações sobre acessibilidade e materiais para auxiliar que os ambientes web sejam mais acessíveis.

Em breve voltaremos com outras soluções da TA que proporcionam maior qualidade de vida.

Fontes de pesquisa:  https://www.assistiva.com.br/; https://mwpt.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo da página

Menu